Header Ads

ASTRÔNOMOS DESCOBREM ESTRANHA ESTRELA DE NÊUTRONS DE ROTAÇÃO LENTA


 Uma estrela de nêutrons com uma velocidade de rotação anormalmente lenta foi descoberta em um cemitério estelar.

Descoberta por uma equipe internacional de astrônomos, a enigmática estrela foi detectada usando o radiotelescópio MeerKAT na África do Sul.

É um achado particularmente incomum, não apenas por causa de sua baixa velocidade de rotação, mas também porque foi encontrado dentro de um cemitério de estrelas de nêutrons do qual não deveria haver nenhum sinal de rádio.

As estrelas de nêutrons são os remanescentes extremamente densos de uma explosão de supernova e normalmente giram dezenas de milhares de vezes por minuto.

Uma possibilidade é que este objeto recém-descoberto possa ser uma nova classe teórica de magnetar de período ultra-longo, no entanto, mais trabalhos serão necessários para confirmar se esse é realmente o caso.

"Surpreendentemente, só detectamos a emissão de rádio desta fonte em 0,5% de seu período de rotação", disse o líder do estudo, Dr. Manisha Caleb, da Universidade de Sydney.

"Isso significa que é muito fortuito que o feixe de rádio cruzou com a Terra".

"Portanto, é provável que existam muito mais dessas fontes de rotação muito lenta na galáxia, o que tem implicações importantes sobre como as estrelas de nêutrons nascem e envelhecem".