Header Ads

ARQUIVOS DO PENTÁGONO REVELAM "QUEIMADURAS DE RADIAÇÃO" DE OVNIS E "GRAVIDEZ INESPERADA"


 Um cache de 1.500 documentos desclassificados revelou uma ampla gama de sintomas de experiências de OVNIs.

Os arquivos, obtidos por meio de uma solicitação da Lei de Liberdade de Informação (FOIA), contêm registros coletados pelo Programa Avançado de Identificação de Ameaças Aeroespaciais (AATIP) do governo.

O pedido foi feito pelo tablóide britânico 'The Sun' e levou mais de quatro anos para ser atendido.

De acordo com o jornal, os arquivos incluem dezenas de relatórios sobre os efeitos biológicos e ferimentos sofridos por indivíduos que encontraram OVNIs (ou "veículos anômalos").

Entre esses 300 casos estavam casos de queimaduras de radiação inexplicáveis ​​causadas por alguma forma de "sistema de propulsão relacionado à energia".

Indivíduos que se acredita terem se aproximado demais dos "veículos anômalos" também sofreram danos cerebrais, danos nos nervos, dores de cabeça e palpitações cardíacas.

Um relatório, que analisou avistamentos de OVNIs coletados pela MUFON, registrou sintomas adicionais que variam de paralisia a "gravidez inesperada".

Havia também referências à comunicação telepática, abdução alienígena, levitação e teletransporte.

Concluiu que havia evidências "para apoiar a hipótese de que alguns sistemas avançados já estão implantados e opacos para os entendimentos completos dos EUA".