Header Ads

FOGUETE DESCARTADO COLIDIU COM A LUA


 Acredita-se que o foguete tenha atingido o lado oculto da Lua depois de ser rastreado ao longo de vários anos.

Os detritos espaciais estão rapidamente se tornando um grande problema, levando esforços nos últimos anos para garantir que foguetes, naves espaciais e satélites extintos sejam cuidadosamente de-orbitados ou queimados na atmosfera do planeta, em vez de serem deixados para obstruir a órbita da Terra.

Neste caso em particular, no entanto, o lixo espacial em questão acabou um pouco mais longe.

Visto pela primeira vez em 2015, acredita-se que o objeto de três toneladas seja parte de uma missão espacial chinesa ou de uma missão SpaceX inicial (como as coisas estão, ninguém sabe ao certo qual é).

Agora, acredita-se que tenha atingido o lado mais distante da Lua, no entanto, isso ainda não foi confirmado oficialmente.

Se for verdade, ela terá deixado uma pequena cratera e provavelmente ficará na superfície indefinidamente, a menos que futuros exploradores espaciais façam um esforço para removê-la.

"É importante ficar de olho no que está [em órbita]", disse o professor Hugh Lewis, da Universidade de Southampton. "É a bagunça que criamos".

"Objetos que achamos seguros podem retornar à Terra inesperadamente".