Header Ads

MOMENTO HISTÓRICO QUANDO A SONDA SOLAR "TOCA O SOL"


 Cientistas anunciaram que a Parker Solar Probe da NASA entrou na coroa de nossa estrela.

Nomeada em homenagem ao astrofísico solar americano Eugene Parker que originalmente previu a existência do vento solar, a Parker Solar Probe, que foi lançada em 2018, está em uma viagem fantástica como nenhuma outra - uma missão ao coração do sistema solar para aprender o segredos do próprio Sol.

Cientistas anunciaram na terça-feira que a sonda havia, pela primeira vez, mergulhado na atmosfera externa do Sol - uma região conhecida como corona - amostrando diretamente a estrela que alimentou a vida em nosso planeta por bilhões de anos.

Construída para suportar temperaturas extremas e mover-se a velocidades de 320.000 mph, a sonda sobreviveu ao seu encontro com o Sol mergulhando na corona por apenas breves períodos.

Enquanto estava lá, ele usou seus instrumentos de bordo para registrar o máximo de dados possível.

"Tocar o Sol é um momento monumental para a ciência solar e um feito verdadeiramente notável", disse Thomas Zurbuchen da NASA.

"Este marco não apenas nos fornece percepções mais profundas sobre a evolução do nosso Sol e seus impactos em nosso sistema solar, mas tudo o que aprendemos sobre nossa própria estrela também nos ensina mais sobre estrelas no resto do universo".

O encontro real ocorreu em abril, no entanto, demorou até agora para os cientistas confirmarem.

"Vimos as condições mudarem completamente", disse Stuart Bale, da Universidade da Califórnia, Berkley.

"Dentro da corona, o campo magnético do Sol ficou muito mais forte e dominou o movimento das partículas ali. Portanto, a espaçonave foi cercada por material que estava realmente em contato com o Sol".