MONSTRO DE LOCH NESS "PRESO" NA COP26 EM GLASGOW



Os policiais apreenderam um fac-símile gigante do icônico monstro do lago escocês antes de seu uso em um protesto planejado.

O enorme monstro inflável - apelidado de "Monstro da Dívida de Loch Ness" - faria parte de um protesto organizado pela Campanha da Dívida Jubileu até que policiais invadiram e o confiscaram.

Com quatro metros de altura e oito de comprimento, o enorme habitante de cores vivas foi levado embora porque teria violado a Seção 20 da Lei de Reforma da Polícia e do Incêndio.

O grupo estava planejando usá-lo para ajudar a aumentar a conscientização sobre a crescente ameaça dos encargos da dívida climática sobre os países de baixa renda.

"A crise da dívida que os países de baixa renda enfrentam foi excluída do debate na COP26 e agora a polícia impediu o 'Monstro da Dívida do Loch Ness' de destacar esta questão fundamental", disse a chefe da campanha Eva Watkinson.

Não está claro quando ou se o Nessie gigante inflável será devolvido aos seus donos.

"Os policiais apreenderam um grande inflável que deveria ser lançado no rio Clyde, pois violava as restrições marítimas para manter a segurança pública perto do local da COP26", disse um porta-voz da Police Scotland.