É POSSÍVEL OUVIR A AURORA BOREAL?


 Durante anos, houve relatos de sons estranhos e misteriosos produzidos pela aurora boreal.

O espetacular show de luzes - que muitas vezes pode ser visto piscando nos céus do hemisfério norte - fascina a humanidade desde o início dos tempos.

Seus redemoinhos e padrões coloridos são produzidos quando partículas carregadas do sol se aceleram ao longo das linhas de campo do campo magnético da Terra e interagem com os átomos de gás em sua atmosfera.

Mas, embora o aparecimento desse fenômeno seja bem documentado, há quem afirme que a aurora boreal também pode produzir sons estranhos de outro mundo em raras ocasiões.

Relatos do início do século 20 descrevem esses sons como 'estalos, sibilos ou zunidos quase imperceptíveis' que ocorrem durante exibições particularmente intensas.

Habitantes das ilhas Shetland da Escócia também as descreveram como sendo semelhantes a 'seda farfalhante'.

Embora tais relatos tenham sido frequentemente rejeitados, nos anos mais recentes o fenômeno passou a ser aceito como o verdadeiro negócio - com pesquisadores tendo ouvido e até registrado exemplos ocasionalmente.

O assistente do principal cientista auroral Carl Stormer, por exemplo, relatou o som como sendo "um som de assobio muito curioso, distintamente ondulatório, que parecia seguir exatamente as vibrações da aurora."

Embora muitos cientistas tenham tentado encontrar uma explicação para os sons, até o momento a causa específica do fenômeno continua sendo um mistério.