OS HUMANOS PODEM APRENDER A ECOLOCALIZAÇÃO EM 10 SEMANAS


 Um novo experimento mostrou que os humanos são perfeitamente capazes de aprender a "ver" com o som.

No mundo natural, a ecolocalização é uma ferramenta valiosa com a qual animais como morcegos e golfinhos podem "ver" e navegar, produzindo ondas sonoras e captando os ecos.

Os morcegos, por exemplo, usam ondas de ultrassom, que estão além do alcance da audição humana, enquanto golfinhos e botos produzem cliques de alta frequência para encontrar objetos debaixo d'água.

Embora possam parecer habilidades especiais além da capacidade dos humanos, acontece que não só é possível para um humano aprender uma forma de ecolocalização, mas também pode fazê-lo em 10 semanas.

Para um experimento recente, 12 pessoas que foram diagnosticadas como legalmente cegas durante a infância, bem como 14 pessoas com deficiência visual, se ofereceram para aprender como usar a ecolocalização para ajudar a navegar em labirintos.

Durante 20 sessões de treinamento de até 3 horas de duração, eles aprenderam a produzir cliques e interpretar os ecos para determinar seu ambiente imediato dentro do contexto de um labirinto virtual.

Diferentes características dos labirintos, como cruzamentos, esquinas e corredores retos, produziram um eco diferente, tornando possível interpretar o que estava lá sem poder ver nada.

Curiosamente, os voluntários eram quase tão hábeis nessa tarefa nesse curto espaço de tempo quanto ecolocalizadores especialistas que vinham praticando a técnica há anos.

As descobertas sugerem que a ecolocalização pode ser uma habilidade importante para pessoas cegas.

"Estamos muito entusiasmados com isso", disse a psicóloga Lore Thaler, da Durham University do Reino Unido.

"Acho que faria sentido fornecer informações e treinamento em ecolocalização baseada em cliques para pessoas que ainda podem ter uma boa visão funcional, mas que se espera que percam a visão mais tarde na vida por causa de doenças oculares degenerativas progressivas".