DENUNCIANTE OVNI APRESENTA QUEIXA FORMAL


 O ex-chefe do programa de OVNIs do Pentágono afirma ter sido alvo de uma campanha de desinformação.

De acordo com um relatório recente do Politico, Luis Elizondo - o ex-chefe do secreto Programa de Identificação Avançada de Ameaças da Aviação do Pentágono - apresentou uma queixa formal ao inspetor do departamento de defesa.

A denúncia cita 'atividades maliciosas' e casos de má conduta profissional, com um oficial supostamente ameaçando contar às pessoas que Elizondo era 'maluca'.

"Eu respondi ... dizendo a ele que ele pode tomar qualquer ação que considere prudentemente necessária, mas que eu não tinha problemas mentais e nunca violei meu juramento de segurança", escreveu ele.

Esses desenvolvimentos ocorrem semanas antes do diretor de inteligência nacional e do Pentágono lançar um relatório sobre os OVNIs e sua estratégia para lidar com eles.

"O que ele está dizendo é que há certos indivíduos no Departamento de Defesa que na verdade o estavam atacando e mentindo sobre ele publicamente, usando a cor da autoridade de seus escritórios para depreciá-lo e desacreditá-lo e estavam interferindo em sua capacidade de buscar e obter emprego lucrativo em todo o mundo ", escreveu seu advogado, Daniel Sheehan.

"E também ameaçando seu certificado de segurança".

De acordo com Sheehan, Elizondo não está apenas procurando limpar seu nome, mas também forçar o Pentágono a esclarecer qualquer ambigüidade sobre o que sabe sobre OVNIs.

"Ninguém parecia estar levando isso a sério", disse ele.

"As diferentes unidades e diferentes grupos que são responsáveis ​​por responder a este fenômeno em particular ... eles não estão se informando sobre isso".