ESPADA DE 5 MIL ANOS É ENCONTRADA DENTRO DE MOSTEIRO EM ILHA DA ITÁLIA


A historiadora Vittoria Dall ’Armellina, da Universidade Ca 'Foscari, em Veneza, na Itália, descobriu em um mosteiro da cidade uma das espadas mais antigas do mundo. O objeto de 5 mil anos é proveniente da Anatólia, região asiática que compõe a maior parte da Turquia.

O artefato chamou a atenção de Dall'Armellin pela semelhança com outras espadas encontradas no Palácio Real de Arslantepe, na Anatólia Oriental. Só que a espada havia sido identifica como um instrumento medieval, o que intrigou a pesquisadora. 

As suspeitas de Dall'Armellina foram corroboradas por um novo estudo que concluiu que a espada foi feita por volta de 3000 a.C. Segundo o site Ancient Origins, uma espada do mesmo período está no Museu Tokat, na Turquia, descoberta na região leste da Anatólia Central. 

Como a nova espada não possui inscrições, enfeites ou características distintivas, além de estar em péssimas condições, os especialistas não conseguiram detectar nenhum vestígio de uso. Também não está claro se a arma foi usada em combate, se era uma espada cerimonial ou apenas um item simbólico.

#universomisterioso #space #universe