Universo Misterioso

TECNOLOGIAS DO DIA A DIA QUE SÓ EXISTEM GRAÇAS À CORRIDA ESPACIAL


A exploração espacial não só trouxe mais conhecimento sobre o que existe fora da Terra como também facilitou a vida por aqui. Muitas das tecnologias e invenções criadas para serem usadas por astronautas ou em naves e sondas ganharam versões muito úteis para o nosso dia a dia.

Veja algumas:

1. Filtro de água

Nos anos 1960, a Nasa desenvolveu um sistema de filtros que usava cartuchos de iodo para limpar as fontes de água das naves. Desde então, a tecnologia, que elimina bactérias, passou a ser aplicada em filtros de água aqui na Terra e na limpeza de piscinas públicas. Em agosto de 2019, um novo tipo de filtro criado por estudantes brasileiros foi enviado à Estação Espacial Internacional (ISS) em um foguete da SpaceX para ser testado pelos astronautas. 

2. Câmera de telefones celulares

Nos anos 1990, uma equipe do Laboratório de Propulsão a Jato da Nasa criou câmeras pequenas o suficiente para caber em naves e sondas sem perder a qualidade científica. Atualmente, um terço de todas as câmeras têm a tecnologia, especialmente as de computadores e celulares.

3. Tênis de corrida

Se hoje o impacto de uma corrida é minimizado graças aos tênis com solas que absorvem o choque, é tudo graças aos engenheiros da agência espacial norte-americana. Eles desenvolveram um processo de moldar borracha para aplicar nos capacetes dos astronautas, que hoje é o mesmo usado para fabricar tênis de corrida.


4. Espuma de travesseiro


Esse na realidade é um “spin-off” de uma tecnologia que foi desenvolvida para a Nasa, mas não chegou a embarcar em nave alguma. Ainda assim, não fosse o desejo de explorar o espaço provavelmente não teríamos noites de sono aconchegantes. É que uma espuma foi desenvolvida em 1966 com o objetivo de criar assentos personalizáveis que aliviassem os efeitos da gravidade nos corpos dos astronautas. Mas, como cada um tem um tipo de corpo, isso significaria criar novas cadeiras a cada voo – algo nada prático.

A solução foi desenvolver um material que se moldasse ao corpo quando fosse usado e depois voltasse à forma original. No ano 1980, a patente entrou em domínio público, e um dos engenheiros do projeto abriu uma empresa para comercializar a espuma – usada nos famosos travesseiros “da Nasa”.

5. Tratamento com LED

A Nasa não inventou os diodos emissores de luz, hoje usados na maioria das telas de eletrônicos, mas desenvolveu uma tecnologia para ajudar no crescimento de plantas em naves espaciais que hoje é usada também em equipamentos para relaxamento muscular e alívio da dor.

Postar um comentário

0 Comentários